O projeto de lei de iniciativa do prefeito, Joaquim Oliveira, foi aprovado pela Câmara Municipal e sancionado em 01 de abril de 2020.

A Prefeitura de Manga, após negociação com representantes de categorias municipais, concedeu neste mês, recomposição salarial para 15 categorias dos servidores, integrantes do quadro de cargos de provimento efetivo. O projeto de lei de iniciativa do prefeito, Joaquim Oliveira, foi aprovado pela Câmara Municipal e sancionado em 01 de abril de 2020.

Os cargos de nível superior que tiveram os seus salários reajustados são: arquiteto, engenheiro civil, engenheiro ambiental, advogado, veterinário, assistente social, bioquímico, cirurgião-dentista, enfermeiro, fisioterapeuta, nutricionista e psicólogo. Também foi concedido para os cargos de técnico em enfermagem e conselheiro tutelar.

Ainda, a Administração atendeu ao pleito da categoria dos professores, concedendo aumento e incorporando o adicional do Pó de Giz ao vencimento básico do servidor. Tal medida refletirá diretamente em outras vantagens que incidem sobre o salário dos servidores, gerando um aumento real nos valores recebidos.

De acordo com o prefeito, Joaquim Oliveira, a decisão foi pautada em análise criteriosa da situação fiscal do Município, que apesar da escassez de recursos e débitos herdados de outras gestões, a atual administração municipal conseguiu realizar contenção de gastos para valorizar o funcionalismo público e, ao mesmo tempo, atender o limite da capacidade financeira da Prefeitura Municipal.

“Apesar do cenário de crise, o município está pagando rigorosamente em dia e de maneira integral aos servidores, além de conceder reajuste salarial. Esse aumento é mais uma medida, adotada pela administração, em que valoriza os trabalhadores públicos e os incentiva a desempenhar suas funções da melhor maneira possível junto à população”, afirmou o prefeito.

Data de publicação: 13/05/2020

Compartilhe!